quarta-feira, 6 de janeiro de 2010

DARJEELING LIMITED (2007)

PONTUAÇÃO: MUITO BOM
Título Original: The Darjeeling Limited
Realização
: Wes Anderson

Principais Actores: Owen Wilson, Adrien Brody, Jason Schwartzman, Amara Karan, Wallace Wolodarsky, Waris Ahluwalia, Irfan Khan, Barbet Schroeder, Camilla Rutherford, Bill Murray, Anjelica Huston, Natalie Portman

Crítica:

ENTRE IRMÃOS:
UMA VIAGEM ESPIRITUAL DE RE-DESCOBERTA

Darjeeling Limited
é uma comédia absolutamente magnífica e uma obra de arte verdadeiramente excepcional: isto é certo e não há como negá-lo.


Wes Anderson explora o absurdo e o cómico de situação de forma sublime, articulando magistralmente as mais diversas técnicas, como o slow motion, os zooms e um trabalho de montagem absolutamente brilhante (Andrew Weisblum). A narrativa desenvolve-se com grande fluidez, dando-nos a conhecer a dificuldade e a complexidade de uma irmandade a três, onde há sempre espaço para segredos.
O filme assume a forma de um road-movie visualmente deslumbrante, fotografado com assaz excelência e cheio de cores exuberantes, capazes de captar os cheiros e as essências da Índia. É esteticamente arrojado e inesperadamente perfeccionista: a direcção artística é de um aprumo e bom gosto notáveis; atente-se à cuidada mise-en-scène. A banda sonora é tão eclética quanto soberba e a sonoridade das canções alia-se genialmente à inspirada e elegante arte de filmar do realizador.

Grandes desempenhos de Owen Wilson, Adrien Brody, Jason Schwartzman... ou mesmo de Natalie Portman, na curta-metragem Hotel Chevalier, que tão bem inicia e complementa a obra.

O resultado de tão alucinada história é fascinante em todos os sentidos. It's the same old story, It's the same road trip, mas Wes Anderson reinventa-a à sua maneira e concebe, por meio de uma arquitectura irrepreensível, uma obra única, sólida e em tudo admirável.

12 comentários:

  1. Wes Anderson fez um filme interessante. O Adrien Brody está ótimo!!!

    ResponderEliminar
  2. JACKSON: Não creio que seja uma obra-prima. Mas é, sem dúvida e para grande surpresa minha, um filme muito muito bom.

    PEDRO HENRIQUE: Mais do que interessante. DARJEELNG LIMITED é o próprio cinema a reinventar-se. E de forma magnífica. O elenco está formidável, de facto.

    Cumps.
    Roberto Simões
    CINEROAD - A Estrada do Cinema

    ResponderEliminar
  3. Sim, um filme interessantíssimo (chegando até ao ponto de a transição técnica de enquadramentos propiciar imensas gargalhadas)!

    ResponderEliminar
  4. Muito original e inspirado este filme. Gostei bastante.

    ResponderEliminar
  5. Ainda Wes Anderson nao saiu do próprio umbigo. Mas seus filmes são originais. Este eu gostei mais!

    Abs!

    ResponderEliminar
  6. FLÁVIO GONÇALVES: É muito mais do que "interessantíssimo". É um grande pedaço de arte, infelizmente subvalorizada.

    WALLY: Também eu. Estamos de acordo ;)

    RODRIGO MENDES: O que quer dizer com "Ainda Wes Anderson nao saiu do próprio umbigo"?

    Cumps.
    Roberto Simões
    CINEROAD - A Estrada do Cinema

    ResponderEliminar
  7. O cinema de Wes Anderson é para poucos. As suas esquisitas histórias (quase sempre envolvendo famílias, pais e filhos) dificilmente agradam o público mainstrean.

    Eu, particularmente, adoro os seus filmes. Viagem a Darjeeling é bom - não o seu melhor. Ótimos atores (Owen Wilson, quando quer, escolhe bem seus filmes).

    Vale falar também do sempre presente Bill Murray - o ator está em quase todos os filmes de Anderson.

    ResponderEliminar
  8. Sempre tive interesse por este filme e surpreende-me que seja assim tão bom e irei tirar a minha prova um dia destes.

    Abraço
    Cinema as my World

    ResponderEliminar
  9. MATEUS SOUZA: Sim, o cinema de Wes Anderson não será para todos, de certeza. Eu, pessoalmente e do que conheço, adoro.

    NEKAS: Surpreender-te-á, certamente.

    Cumps.
    Roberto Simões
    » CINEROAD - A Estrada do Cinema «

    ResponderEliminar
  10. Não gostei. Achei um filme caça-níquel voltado para os universitários. As personagens são tolas e esta estória de Índia espiritualista não dá para ser levada muito a sério.

    ResponderEliminar

Comente e participe. O seu testemunho enriquece este encontro de opiniões.

Volte sempre e confira as respostas dadas aos seus comentários.

Obrigado.

CINEROAD ©2017 de Roberto Simões